domingo, 29 de janeiro de 2012

Janeiro no Jardim Gulbenkian.

O meu Jardim favorito em Lisboa é o jardim da Gulbenkian, há sempre algo novo para ver em qualquer altura no ano, no Inverno muito do interesse vem das áreas com agua. Quem também parece adorar são os patos selvagens, cuja população residente aumenta a cada ano.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Dracena draco.

No ano do signo Chinês do dragão, a Dracena drago conhecida como dragoeiro.  Foi fotografada no jardim botânico da ajuda, árvore com cerca de 400 anos e que é também um símbolo do próprio jardim. Devido à sua idade, tem que ser apoiada por uma estrutura de cabos que impede grande parte dos ramos de caírem.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Mais Cor em Janeiro...

Belos Aloes,que  florescem sempre no Inverno, com as suas tipicas Inflorescências  vermelho-laranja. Foto tirada no jardim da Estrela.

A foto acima foi tirada no Jardim do Campo Grande, mais Iris roxo, lindissimos como sempre e um dos meus preferidos.

Viola odorata, aqui em flor no Jardim Botânico de Lisboa, uma daquelas plantas que, desde há muito, está no imaginário europeu. Conhecida também por violeta de cheiro.

O Marmeleiro-do-Japão (Chaenomeles japonica) é também um dos clássicos desta altura do ano, sendo um dos primeiros a anunciar a Primavera. Este foi fotografado no Parque Eduardo VII, onde existem alguns exemplares, mas esta planta pode ser cultivada em todo o país.

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Janeiro no Jardim Botânico.

Algumas das espécies em floração neste momento no Jardim Botânico de Lisboa, em cima uma lindíssima Camelia japonica . Aliás, muitas outras camélias podem ser admiradas nesta altura no jardim botânico, pena é não serem muitas mais!

Helleborus foetidus na foto acima, com as suas características flores de cor verde-amarelado, pertence à familia Ranunculaceae. Pena não haver mais heleborus no Jardim, estão entre os meus favoritos de Inverno.
Na foto abaixo, um outro clássico desta altura do ano, e o meu destaque neste post vai totalmente para esta planta: Primula vulgaris, a Primula selvagem da Europa, que começa a ser bastante rara no centro e sul de Portugal. Os ingleses chamam-lhe "Primerose" que vem do latim antigo, significando "primeira rosa" por ser a primeira a florir anunciando assim a Primavera.

Na foto abaixo, mais um bonito conjunto de Bergenia em floração. Destaque também para a folhagem desta planta que apresenta um inegavel valor decorativo durante todo o ano.



Na foto de cima um Narcissus calcicola, um endemismo nacional, espécie presente no Centro-Oeste calcário; Centro-Sul arrábido e Barrocal Algarvio. Ocorre em fendas de rochas calcárias. Em baixo, imagem de um Taxodium, com as sua coloração de Inverno.

http://biorui.no.sapo.pt/amarilidaceas.htm

http://dias-com-arvores.blogspot.com/2010/03/primula-entre-iguais.html

sábado, 14 de janeiro de 2012

Iris unguicularis.

Em floração no jardim do campo grande, Iris unguicularis é uma espécie que costuma florir no Inverno ou inicio da Primavera. Quando estive na Alemanha encontrei-o em floração em Março no Jardim Botânico de Bona. Encontra-lo agora no Campo Grande em plena floração foi uma boa surpresa para mim. Espero que a "razia" que esta prometida para o jardim do Campo Grande, não se lembre de acabar com os inúmeros exemplares que por lá se encontram.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Primavera em Lisboa?




A Primavera parece ter chegado à cidade, neste "Inverno" que tem batido recordes de temperaturas altas e parece que 2011 foi também o segundo ano mais quente desde 1932. Por isso é natural, que muitas espécies tenham entrado em floração fora de época. Segundo o meu prof. de Ecologia da faculdade, pelo menos desde 2000 que fenómenos destes têm acontecido sucessivamente, em 2003 varias espécies começaram a florir no Outono, em vez de o fazerem na Primavera. A floração de algumas espécies em Lisboa deixou de ser previsível devido ao aquecimento do clima. Por exemplo, os mesmos Íris roxos que aparecem nas fotos acima em flor, na minha terra em Alenquer,  estão neste momento sem folhas que morreram queimadas pelas recentes geadas. Estão por isso longe de entrarem em Floração, o que só deve acontecer lá para Março. Mas em Lisboa estão em plena floração no Jardim da estrela, como mostram as fotos. Também as Bergenia entraram em flor no mesmo jardim, lindíssimos capítulos de flores rosas vestem alguns canteiros de cor primaveril. As minhas Bergenias no entanto, também estão longe de florir.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Cyclamen

Os Ciclames invadiram a avenida da Liberdade, em cores festivas da época  Vermelho e Branco, são centenas de canteiros de uma ponta à outra da avenida. Lindíssimos e em flor por muito tempo, esta planta que floresce no Outono e Inverno, é sem duvida uma excelente opção para os Jardins nacionais. Tem origem mediterrânea, mas alguns são pouco rústicos às geadas. Vale a pena passar pela avenida, para apreciar a sua cor!
Bom Ano Novo para todos:)