Nas dunas...

Helichrysum e Eryngium maritimum
Eryngium maritimum e Ammophila arenaria
Eryngium e Seseli tortuosum
Vista sobre a extensão das dunas
Neste caso quase que se pode copiar directamente da natureza: as dunas de São Martinho do Porto são um jardim em si mesmo, do qual muito se pode aprender sobre a forma contemporânea de desenhar jardins.

São notáveis algumas destas combinações e justaposições: O azul do Eryngium com o amarelo do Helichrysum, a textura leve da Ammophila com o áspero Eryngium...

Um jardim que mimetiza a natureza continua a ser o tipo de design que mais me interessa actualmente.

Comentários

  1. É caso para dizer,
    traga-se a paisagem para o jardim!
    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem mais Rafael, concordo...mas daria um certo trabalho a criar as condições para estas plantas acho eu. O Eryngium exige mto boa drenagem...
      Cumprimentos

      Eliminar
  2. that is why the common name is sea holly! Never seen it out of a planted garden.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exactly Diana, and the leaves are also very similar in shape to the holly...beautiful plant, but I still don´t have it in the garden, it demands sharp drainage

      Eliminar
  3. que bonitas estas dunas e tão preservadas...ainda hoje na costa da caparica estive na praia do castelo a fotografar insectos e vegetação natural e acabei a arrancar chorões que estão a invadir tudo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As dunas de São Martinho estão bem preservadas para já. Eles colocaram uns passadiços há uns anos atrás, que acaba por encaminhar mais as pessoas e assim evita-se o pisoteio da duna...

      Eliminar
  4. It's a very nice and soustinable group of plants. The gardens are outside, in the nature waiting for us :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. I have to agree with you, best gardens are made by nature itself...

      Eliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares